Skip to main content

10 casos aparente de combustão espontanânea

A combustão humana espontânea não é uma condição médica reconhecida. Apesar disso, o fenômeno intriga muitos cientistas que não têm conseguido explicar o que acontece nestes casos aparentes de pessoas que pegam fogo sozinhas, sem afetar nada ao seu redor.

A teoria mais dominante é chamada de “efeito pavio”. Essencialmente, o corpo, particularmente a gordura, atua como combustível para as chamas misteriosas. No entanto, alguns pesquisadores argumentam que essa explicação simplesmente não é suficiente, dadas as temperaturas insanamente altas necessárias para reduzir um corpo a cinzas.

Reais ou não, confira 10 exemplos de casos aparentes de combustão humana espontânea:

Leia Mais

Lições que aprendemos com os filmes de terror

Todo mundo aqui é fã de filmes de terror, e como todo bom fã você deve ter aprendido muito com os filmes, abaixo tem uma lista feita pelo pessoal do Academia do Sofa onde eles listam algumas “lições” que os filmes nos ensinam. Cada lição se refere a um filme, queremos saber se vocês sabem que filme é haha. Uma dica, la no site deles tem um Gif do filme relacionado para cada lição. Leia Mais

8 arrepiantes histórias de canibalismo

Canibalismo é o ato em que uma pessoa come o corpo, ou partes, de outro indivíduo da mesma espécie. Essa prática é comum durante rituais satânicos, quando indivíduos são sacrificados para um deus e os adeptos acabam comendo a pessoa porque acreditam que vão receber a força e o seu poder.

Os canibais mais conhecidos foram os astecas, que sacrificavam e comiam guerreiros de outras tribos. Atualmente essa prática é crime sob a condenação de mutilação e profanação de cadáver. Porém, esse ato continua sendo feito por muitas pessoas em todo mundo. Confira abaixo 8 histórias horripilantes sobre canibais

Leia Mais

Maníacos de Dnepropetrovsk (3 guys and 1 hammer)

Maníacos de Dnepropetrovsk é uma denominação que a mídia deu aos assassinos responsáveis por uma série de assassinatos em Dnepropetrovsk, na Ucrânia, nos meses de junho e julho de 2007. O caso ganhou notoriedade devido às gravações de alguns assassinatos, que acabaram caindo na rede. Dois jovens de 19 anos, Viktor Sayenko eIgor Suprunyuck foram acusados por cometerem 21 assassinatos e Alexander Hanzha, um terceiro cúmplice, foi acusado de dois assaltos a mão armada. Em 11 de fevereiro de 2009, os três foram declarados culpados. Suprunyuck e Sayenko estão em prisão perpétua e Hanzha recebeu 9 anos de prisão. Osadvogados de Suprunyuck e Sayenko declararam que recorrerão às acusações. Leia Mais