Skip to main content

10 Filmes bizarros mas que são verdadeiras obras-primas

Qualquer fã de terror verdadeiro sabe, que as vezes vale a pena ir além daquele susto inesquecível, por qualquer motivo. E se você está interessado em ir um pouco além, confira esses 10 filmes de terror estranhos, mas fantásticos,que não conseguiram seu lugar no top dos terror. Alguns são clássicos modernos, enquanto outros são trabalhos pioneiros do gênero.

1. Possesion, 1981

Este filme completamente insano, completamente desagradável e terrivelmente assustador do escritor /diretor Andrzej Zulawski é talvez um dos filmes de terror mais difíceis para de se encontrar. Você não encontrará streaming no Netflix. Parece que apenas os fãs de terror mais conhecedores e mais valentes sabem de sua existência, o que é estranho, considerando que seus protagonista são dois atores bem conhecidos, Isabelle Adjani (Rainha Margot) e Sam Neil (Jurassic Park).

O enredo centra-se no casal Anna (Adjani) e Mark (Neil), que compartilham uma criança pequena. O casal estápassando por uma crise conjugal e essa crise é refletida nas ações fisicamente – Anna é histérica, com episódios de auto-dano que são perturbadores, incluindo um episódio em que pode ser uma das cenas mais perturbadoras já filmadas. Enquanto isso, Mark começa a suspeitar que Anna é infiel. Mas com quem – ou com o que …  ela estaria traindo-o, e por esses e outros elementos faz com que este seja um dos mais estranhos filmes de terror já feitos.

2. Pontypool, 2008

Os terríveis acontecimentos deste terror  ocorrem em uma estação de rádio em uma pequena cidade de Ontário. Chamadas estranhas começam a preocupar o pessoal da estação, e à medida que a noite se intensifica, fica claro que um vírus mortal se espalhou por dentro do estúdio. O que está acontecendo e como eles vão ficar lá?

Pontypool é um filme incrivelmente inteligente e sutil que não permite que sua inteligência infrinja sua capacidade de entregar um suspense quase insuportável.

3. The Vanishing, 1988 (O Silêncio do Lago)

Faça o que fizer, certifique-se de ver a versão holandesa original deste filme. (O remake de 1993, estrelado por Kiefer Sutherland, é uma farsa completa.) O desaparecimento do filme original não é apenas mais filme de terror esquecido. É um exemplo perfeito de um filme que transcende gênero.

Rex e Saskia estão a caminho de umas férias, quando Saskia desaparece, aparentemente no ar. Rex fica louco tentando descobrir o que aconteceu com ela, mesmo colocando sua própria segurança em perigo. A conclusão desse brilhante filme de suspense é uma das terminações mais aterrorizantes de toda a história do cinema. Ele com certeza irá assombrá-lo nos próximos anos. Lembre-se você foi avisado.

4. Don’t Look Now, 1973 (Inverno de Sangue em Veneza)

Inverno de sangue em Veneza apresenta o casal John Baxter (Donald Sutherland ) e Laura Baxter (Julie Christie) que estão tentando se recuperar da trágica morte de sua filha.

Laura e John viajam para Veneza para escapar de seus problemas, mas parece que o fantasma de sua filha os seguiu. Com um assassino em série solto e uma infelicidade com um psíquico, Laura aos poucos vai perdendo a sua sanidade , e João começa a ver uma figura infantil em um casaco vermelho, parecido com o casaco que pertencia a sua filha. Olhando isso parece que nada está bem, mas não se preocupe… não acabe bem.

Uma curiosidade, este filme contém uma das cenas sexuais mais notórias de todos os tempos: rumores de que o sexo entre Sutherland e Christie não é simulado. Você terá que assistir para decidir por si mesmo.

5. The Brood, 1979 (Os Filhos do Medo)

Este filme maluco do diretor David Cronenberg, nós diverte com movimentos de terapia louca da década de 1970. O filme se desenrola quando o casal Nola e Frank se separam, Nola vai a um terapeuta não convencional para lidar com sua raiva e obter a guarda da filha do casal, Candice. Mas depois de uma série de assassinatos bizarros cometidos por monstros semelhantes a anões, a policia começar a ligar os crimes a Nola e seu psicoterapeuta, fica claro que Frank está lidando com muito mais do que uma ex-esposa louca.

6. Funny Games, 1997 (Violência Gratuita)

O que é mais aterrorizante do que um assassino motivado pela vingança? Dois assassinos motivados por nada. Não é que você nunca ouviu falar de Funny Games – é só que por causa dessa “maravilhosa” sinopse você provavelmente nuca teve interesse, bom iremos tentar mudar isso. Neste thriller angustiante, dois jovens torturaram uma família de três pessoas, por meio de jogos sádicos, fazendo uma aposta sobre se eles irão ou não sobreviver para ver o dia seguinte.

7. Two Thousand Maniacs, 1964 (Maníacos)

Essa obra perdida, se passa nos USA envolvendo as tensões entre o Norte e o Sul, quando seis garotos em viagem para a Flórida chegam a uma cidade que está comemorando seu centenário. Mas esta seria uma festa diabólica, na qual os turistas serão vítimas de cruéis e sanguinários espetáculos. Uma cena memorável inclui os membros desmembrados de uma mulher sendo assados num churrasco. Não é exatamente uma festas de boas-vindas bem amigável, não é?.

8. House of the Devil, 2009

Com um orçamento de menos de um milhão de dólares e uma versão limitada, Ti West fez um verdadeiro milagre em “A Casa do Diabo”, onde ele retrata aquilo que já é passado, que pertenceu a outra geração. Clássicos letreiros iniciais com frames que se congelam ao exibir nome de atores e seus respectivos personagens, penteados, trajes e objetos que vão de walkman cassete a aparelho telefônico de disco são alguns “truques” usados para “A Casa do Diabo” nos transferir para aquela época. E isso faz a experiência de se assistir “A Casa do Diabo” é ainda mais saborosa para qualquer fã do gênero

9. Repusion, 1965

É difícil ser Carol (Catherine Deneuve) em 1965. Tudo o que você quer fazer é sonhar acordado e sair com sua irmã. Infelizmente, seu namorado casado e maldito está sempre calcinando seu estilo, e algum cara aleatório continua te perguntando em uma data. Ugh, irritante.

Embora você tenha ouvido falar do outro filme de terror de Roman Polanski, o Rosemary’s Baby (O Bebê de Rosemary  ou A Semente do Diabo), seu precursor, Repulsion foi aclamado pelos críticos, como um dos filmes de terror psicológico mais incomuns de seu tempo. Quando Carol se retira para si mesma, o apartamento começa a se transformar em uma força ameaçadora. Centrado no tema decididamente tabu da repulsão sexual feminina, este suspense de pesadelo abriu o caminho para que muitos excelentes filmes de terror viessem.

10. The Last House on the Left, 1972 (Aniversário Macabro ou A Última Casa à Esquerda)

Um filme sueco chamado The Virgin Spring inspirou o primeiro filme de Wes Craven. Em ambos os filmes, duas adolescentes são brutalmente estupradas e assassinadas por uma gangue de bandidos e os pais de uma menina, depois percebendo que eles têm os assassinos a seu cargo, decidem se vingar.

Quando The Last House on the left apareceu, enfrentou censura nos cinemas ao redor do mundo. Durante anos, era impossível encontrar esse filme, ou sua versão original sem cortes. Embora Craven seja lembrado principalmente por seu trabalho posterior, incluindo a série Scream e The Nightmare on Elm Street, The Last House on the left, é, em muitos aspectos, o filme pioneiro do horror moderno, em particular o pornô de vingança. Como Craven disse, “os filmes de terror não criam medo. Eles liberam isso. “

Comentários via Facebook

comentários

Bruno Lima

Estudante de Ciência da Computação. Desde de pequeno sou apaixonado pelo gênero do terror, por isso trago como missão para esse blog sempre estar trazendo conteúdos de qualidade, que faça com que o leitor sinta aquele frio na espinha. =D

Deixe sua opinião. Interaja conosco!