Skip to main content

Ritual macabro

Já era noite quando quatro amigos chegaram a uma cabana nas montanhas geladas de Montana nos Estados Unidos que alugaram para passar o fim de semana. A neve cobria a casa e os pinheiros em volta e o vento gelado cortava seus rostos com força. Eles olharam para o céu e viram a lua cheia de trás de uma camada grossa e vermelha de nevoeiro. Sorriram uns para os outros, a noite estava mais que perfeita para seus planos.

Leia Mais

A lenda da highway to hell (Route 666)

Na região dos quatro cantos do sudoeste dos Estados Unidos, uma estrada vai de Monticello, Utah, a Gallup, Novo México, atravessando um canto do Colorado no caminho. Os cristãos acreditam que três seis (666) representam o que eles se referem como “o número da Besta”, que mostra um longo caminho que explica o porque dessa estrada ser chamada de Highway to Hell, Speedway Satan ou Estrada do Diabo e também pode explicar o mal que parece ser atraído para esta estrada.

Leia Mais

A virgem do poço

Essa história se passa no Japão do século XVII, durante o período medieval. Havia nessa época um Grande Senhor de Terras e Exércitos, de nome Oyama que tinha como serva uma bela jovem de nome Okiko.

Okiko era de uma família pobre e humilde, mas de uma beleza irretocável, por isso, sofria assédios diários de seu Mestre; entretanto sempre conseguia arrumar desculpas para fugir das investidas de Tessan. Leia Mais

O bosque das almas

Há dois dias perdidos naquela mata, tudo parecia o inferno. Eram em oito no início da aventura. Saíam de casa para o bosque das almas com a intenção de beber, fazer sexo e descansar, mas agora os três sobreviventes da chacina corriam por suas vidas, enquanto o assobio aterrorizante os seguia por entre as árvores. Ana Alice, uma linda loira, parecia cansada, seu namorado Jonas, um rapaz moreno, forte e de olhos verdes, a levava nos braços, e o terceiro era Samuel, um ruivo alto de porte atlético. Os três finalmente avistaram uma cabana antiga, na qual se esconderam.
Leia Mais

A expressão

Em junho de 1972, uma mulher apareceu no hospital Cedar Senai, Com nada mais que longas vestes brancas cobertas de sangue. Agora, isso, por si só, não deveria ser tão surpreendente como muitas vezes as pessoas têm acidentes nas proximidades e vão para o hospital mais próximo para atendimento médico. Mas havia duas coisas que causaram as pessoas que a viram Náuseas e Terror.

Leia Mais

A companhia

Nós todos sabemos o que é um porão assustador. Nós todos sabemos o tipo de sentimento que nos alcança quando desligamos as luzes antes de correr pela escada, rezando para que nada agarre nosso tornozelo até que nós alcancemos o último degrau.

Quando criança é normal ter medo de lugares escuros da sua casa, aquele lugar mais “gelado” e escondido onde ficam guardadas as decorações de natal durante todo o ano. Acho que “horripilante” não descreve… Palavras como “perturbador” e “bizarro” são mais adequadas.

Leia Mais

A pisadeira

A Pisadeira é descrita também como uma mulher muito magra, com dedos compridos e secos, unhas enormes, sujas e amareladas. Tem as pernas curtas, cabelo desgrenhado, nariz enorme com muitos pelos, como um gavião. Os olhos são vermelho fogo, malignos e arregalados. O queixo é revirado para cima e a boca sempre escancarada, com dentes esverdeados e à mostra. Costuma sempre gargalhar. Uma gargalhada estridente e horripilante.

Leia Mais